Prova de vida pelo celular para 81.663 aposentados

INSS liberou que parte dos beneficiários façam o procedimento pelo aplicativo, com uso da câmera. Quem quiser, pode ir ao banco


Parte dos aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já pode realizar a prova de vida anual para validar o beneficio por meio do telefone celular, sem precisar comparecer ao banco.


No Espirito Santo, na primeira etapa, 81.663 segurados que precisam realizar o procedimento poderão utilizar o recurso. Segundo o presidente do INSS, Leandro Rolm, a obrigatoriedade segue suspensa ate o final de abril, devido à pandemia. Até lá, beneficiários que não fizerem a prova não terão benefícios suspensos.


O INSS começou a testar a prova de vida digital em agosto de 2020, com 500 mil beneficiários no País. Agora, o recurso será disponibilizado para 5,3 milhões. A ideia é que, a partir deste ano, a maioria possa realizar o procedimento sem sair de casa. Mas a opção presencial, no banco em que se recebe o beneficio, seguirá disponível.


Para a prova de vida digital, o segurado precisa confirmar seus dados pessoais e realizar a biometria facial por meio da câmera do celular, no aplicativo MeuGov.br.


Para confirmar a identidade, o INSS usará a base de dados do Departamento Nacional de Trânsito e do Tribunal Superior Eleitoral. Por isso, o recurso, por ora, estará disponível só para quem tem Carteira de Habilitação ou titulo de eleitor. Segundo o INSS, o sistema de reconhecimento facial é seguro. "O beneficiário precisa realizar uma série de processos, que só é possível fazer pelo próprio (segurado), pois o sistema usado é a biometria facial".


Desde março de 2020, o INSS suspendeu a exigência de prova de vida. Neste tempo, para encerrar benefícios, o órgão passou a depender das notificações de cartórios, obrigados, por lei, a informar as mortes em no máximo 24 horas.


O passo a passo de como fazer a prova de vida pode ser conferido no link abaixo: https://www.gov.br/inss/pt-br/centrais-de-conteudo/publicacoes/tutoriais/passo-a-passo-da-prova-de-vida-digital


Fonte: Jornal A Tribuna - Pág. 14 - 24/02/2021